Conheça o Instrumento Sitar

Sitar era tocada por uma deusa indiana

Vindos do Norte da Índia, a Sitar é um membro da família do alaúde. Por milhares de anos, o sitar tem encantado platéias exigentes.

Tradicionalmente, a Sitar é considerada o principal instrumento musical entre culturas Hindustani. O termo “hindu” refere-se a vários dialetos e formas de arte nativa do norte da Índia e do Paquistão. Como o instrumento principal de cordas da época pré-islâmica da Índia, a sitar era um instrumento  comum de festas religiosas. Com o tempo, ela tornou-se um instrumento para as mulheres que cantavam e dançavam em festividades importantes.

Não foi até os séculos 18 e 19 que a Sitar foi aceita como um instrumento solo clássico. A história foi feita, e este instrumento tornou-se uma parte da cena musical mundial. Hoje, o sitar tornou-se uma característica popular no mundo do entretenimento, especialmente na Índia (ou “Bollywood”, como é comumente referido). Com o seu som delicado, a Sitar é usada para acompanhar a dança e outras cenas.

Historiadores acreditam que a Sitar originou-se da Veena, um instrumento de cordas com trastes muito popular na Índia antiga. Conta a história que a Veena era tocada por Saraswati, a deusa indiana da música e da aprendizagem.

O sitar também pode te surgido a partir de um outro instrumento de cordas chamado tanbur. Este alaúde de pescoço longo desempenhou um papel crucial nas culturas medievais muçulmanas. Outra influência também pode ter vindo da  “vina” (ou “bin”), um tipo estreito de cítara indiana.

Sitar 1

Sitar 2

Sitar 3 Sitar 4 Sitar 5

Sitar 6

Sitar 7

Sitar 8




Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *